Aciva Inspira: Araranguá é cidade polo do Projeto Nascer

A cidade de Araranguá caminha para um futuro próspero e com destaque na área da inovação e do empreendedorismo.  Pela segunda vez Araranguá fará parte do Projeto Nascer, da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/SC).  

Araranguá é considerada uma cidade polo, por conta do destaque que recebeu dentro do projeto. Em 2021 foram 18 ideias selecionadas pelo Projeto Nascer, tudo isso é fruto de um trabalho em equipe, como explica Girlene Castro, uma das voluntárias do projeto. “"Com um trabalho em equipe, convidamos diversas pessoas da comunidade para submeterem suas ideias inovadoras e desta forma chegamos ao número record de 18 inscrições, ficando a frente de cidades importantes e que já possuem um Centro de inovação e um ecossistema mais maduro", detalha. 

Nesta segunda edição, já existem nove ideias inscritas, mas as inscrições, segundo Girlene, seguem até a segunda semana do mês de agosto. “As inscrições seguem até o dia 15 de agosto de 2022. Após a seleção os proponentes se reúnem em encontros e recebem mentoria para extrair a ideia e confrontá-la com o mercado, fazem um plano de negócio e validação da ideia, tudo isto com a metodologia da TXM, empresa que executa o programa para FAPESC e SEBRAE. Em Araranguá e região a Maite Lemos é a Coordenadora Regional da TXM", aponta Girlene.


Para o presidente da Associação Empresarial de Araranguá e do Extremo Sul Catarinense (Aciva), Alberto Sasso, é importante o projeto. “Este é mais um incentivo, as ideias receberão consultoria e mentoria gratuitas e a melhor ideia da turma de Araranguá ganhará R$ 20 mil para tirar a ideia do papel e virar negócio”, afirma.

 

Link para inscrições: abre.ai/eLhc