ACIVA destaca lutas e conquistas obtidas durante 2017

Entidade realizou a última reunião de diretoria do ano na noite da última segunda-feira, dia 12

O ano de 2017 foi passado a limpo pela Associação Empresarial de Araranguá e Extremo Sul Catarinense – ACIVA. Isso porquê a entidade realizou a última reunião de diretoria do ano na noite da última segunda-feira, dia 12. O presidente, Norberto Rizzotto, relembrou todas as ações feitas durante ao longo dos últimos meses.

"Durante 2017, lutamos pelo curso de Medicina, estando em contato direto com a UFSC e cobrando as autoridades políticas", ressaltou. Rizzotto também lembrou aos diretores que a ACIVA lutou contra o pedágio na BR-101, em São João do Sul, e que teve um dos pedidos atendidos pela prefeitura: a implantação do Conselho de Segurança Pública, do qual a ACIVA tem cadeira.

"A criação do Conselho de Segurança foi muito importante, pois foi graças as ações do conselho, que conquistamos novas viaturas para a Polícia e o Corpo de Bombeiros", relembrou.

A entidade também teve papel importante nas discussões sobre a continuidade das obras da BR-285, conhecida como Serra da Rocinha. "A ACIVA sempre está em movimento, participando de discussões que visam melhorar a economia e qualidade de vida da população do Extremo Sul Catarinense", concluiu Rizzotto.

A reunião foi complementada pelo consultor Regional da FACISC, Timoteo Farias. Ele explicou aos presentes sobre o balanço das ações planejadas para o biênio 2017-2018. Já o diretor Andre Serafim, detalhou o relatório financeiro da associação, que apresentou um crescimento de 10% em relação a 2016.

Com as atividades encerradas, a ACIVA retorna as ações em fevereiro de 2017, com visita técnica, em parceria com o Sebrae, a sede da Havan em Brusque.

 

Texto e fotos: Multi Digital